“À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.” #adeusacarne

Pesquei de uma matéria no jornal que “no Brasil, corretores afirmam que o máximo que uma pessoa pode tentar fazer de seguro é no valor de R$ 350 mil”. Talvez e muito provavelmente o Brasil não seja das melhores referências sobre o valor de uma vida, mas, como tampouco o mundo todo o é, tornou-se-me-ê impossível não vir às vias de fato: R$ 350.000, 00 multiplicados por 7 bilhões (população mundial estimada), sim, Consumidoras e Consumidores, temos finalmente – para a alegria geral dá no couro – o valor total, o preço final da humanidade: R$ 2.450.000.000.000.000, 00.

Antes que alguém – ou algo – se habilite, e pipoquem flashes e contrapropostas, a título de uma melhor apreciação do produto e sua respectiva cotação, pesemos os seguintes: quanto por todas as empresas? Um lance pelos estados nacionais? Só o facebook já vale 7 bilhões?!

Assim, de posse de alguns poucos, mas preciosos dados, creio que não tardará a conclusão de que na mercearia da vida, na bodega Mundão, a pechincha, em liquidação, queima total… Nós! Enquanto durar, ou melhor, resistir, o estoque.

Aos que acreditam que a vida, a justiça, ética, dignidade e outras quinquilharias mais não têm preço, resta um consolo: que custa entre R$ 35, 00 e R$ 400, oo em qualquer Sex Shop, o que corresponde a 0, 01% do nosso valor unitário. Em outras palavras: menos que um dedo médio ereto.

Anúncios

4 Respostas para ““À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.” #adeusacarne

  1. Atividadeeeeeeeeeeeeeeeee! Adoro!

  2. Ei Michel, faça como o João de Santo Cristo, venha pra Brasília! Sou fã do teu trabalho desde os tempos do Recorte. Sucesso!

  3. To com vc Rafael!!Saudades do RECORTE CULTURAL!

  4. Isso só faz querer largar a carne? O preço está deveras alto.
    Ah, alguém falou do recorte cultural? Que beleza, também tenho saudades… foi marco na minha segurada vida adolessenil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s